Crítica | Dunkirk (2017)

Longas baseados em fatos sempre chegam com um grande peso nas telas de cinema, já que sua história precisa ter a essência dos ocorridos originais, e transportar o público para época, sentindo o que aquelas pessoas viveram, e Christopher Nolan, faz isso com seu novo filme, Dunkirk, se igualando à grandes filmes como “A Lista de Schindler” e “Até o Último Homem“.

Acompanhamos a batalha no porto de Dunquerque, com soldados espalhados pela praia esperando por barcos de resgate e o piloto Farrier (Tom Hardy), em seu caça abatendo os últimos que restam ainda no ar. O filme se passa em um tempo que nos lembra muito “A Origem“, com a ajuda da trilha sonora de Hans Zimmer, acompanhamos tudo o que ocorre ao mesmo tempo, no período de uma hora.

O modo como Nolan filma as cenas com a câmera IMAX e cria as explosões, de uma forma crua e seca, vemos como ela é de verdade – e não explosões falsas de Michael Bay, que acabam sendo gratuitas e sem necessidade alguma. Cada personagem na história tem uma importância e ao mesmo tempo não, afinal todos lá estão na guerra para fazer seu trabalho, seja morrer ou sobreviver, então Nolan não cria um protagonista, já que todos ali no meio são parte disso.

O que acaba deixando um pouco a desejar é o final, que acaba sendo uma montanha-russa, onde nós subimos muito e no final ela acaba caindo, mas isso não tira a medalha de Nolan e de todo o filme, como um grande concorrendo à melhor do ano.

Dunkirk retrata a guerra de forma crua e como ela realmente é, suja, com mortes e que todos querem viver e agem de sua forma e de seu jeito, onde todos somos humanos e ninguém é um centro da história. Mas deixo como observação que mesmo sendo um filme muito bom, contém alguns defeitos – mesmo que poucos – mas não para ser considerado o melhor criado por Nolan.

Nota: 4/5

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s